Por que o BITCOIN está valendo tanto?

Por que o BITCOIN está valendo tanto?

Olá, Investidor!

Assim como na vida, no Mercado Financeiro informação e conhecimento podem ser a chave para o sucesso. Por isso, procuro me atentar aos principais assuntos e opiniões de mentes brilhantes voltadas para o mundo das finanças. Um dos programas que me ajuda bastante a interpretar o cenário macroeconômico e geopolítico é o jornal Manhattan Connection, apresentado aos domingos à noite no canal a cabo Globo News. Se quiser saber um pouco mais clique no link a seguir:

https://goo.gl/2QtPoF

Formado por um grande grupo de jornalistas e intelectuais, tem a participação do Economista Ricardo Amorim, considerado pela Forbes como o economista mais influente no Brasil atualmente. Uma das pautas discutidas na última edição foi justamente sobre o BITCOIN, um assunto polêmico, que se tornou popular nos últimos meses devido à sua absurda valorização de mais de 600%. O que é preciso alertar é que os investimentos não podem ser feitos apenas por modismo, mas sim, através de um conhecimento aprofundado do Mercado em que se pretende investir. Relatarei a seguir, com as minhas palavras, a opinião do Ricardo Amorim, que acho muito relevante para o momento que vivemos e para quem pensa em comprar BITCOINS. Ponderação e juízo podem nunca ser demais nas Operações Financeiras.

Segunda a opinião do Ricardo, o que pode ter ocorrido nas principais praças financeiras nos últimos anos (EUA, Europa e Japão), pós-crise “subprime” de 2008 e até como forma de tirar o planeta do buraco que se enfiava, foi uma política monetária gigantesca de se imprimir moeda, através dos programas de afrouxamento quantitativo e recompra de títulos públicos. Foi uma injeção de capital na economia promovida pelos Bancos Centrais para dar poder de compra novamente à população, estimulando a economia, o consumo e colocando a inflação novamente nos trilhos do crescimento. Para quem entende um pouco mais de macroeconomia, sabe que um cenário de deflação pode ser o pior dos mundos e deve ser sempre evitado, como aconteceu na “Grande Depressão” na década de 30. E foi para isso que essas medidas foram tomadas. O maior problema é que quando se existe muita moeda disponível no Mercado, naturalmente o seu valor tende a cair, como aconteceu com o Dólar, a Libra, o Iene e o Euro e o investidor ficou com apenas 2 opções para proteger o seu capital: metais preciosos e criptomoedas (uma nova filosofia de dinheiro).

Completando o seu raciocínio, Ricardo Amorim também acredita que essa onda do BITCOIN nada mais é do mais uma Bolha, que em breve poderá estourar, trazendo mais uma leva de falidos e desapontados com o Mercado Financeiro. Um grupo de pessoas que mais uma vez pode estar colocando dinheiro sem conhecer do que se trata, mas seguindo o efeito manada. No gráfico abaixo, podemos notar a forte tendência de alta que tivemos desde o seu lançamento, algo muito parecido com a Bolha das Tulipas na Holanda do século XVII, quando um botão de flor podia custar muito mais do que uma mansão. Se quiser saber mais a respeito dessa história curiosa, quem pode ter total relação com o que vivemos agora no BITCOIN, acesse o link a seguir:

https://goo.gl/S62E22

Não venho através desse artigo julgar os critérios do que pode ser certo ou errado no Mercado, faz o fato é que, como analista, tenho o dever de alertá-lo para os principais assuntos que estão sendo abordados e estudados. É verdade que algumas pessoas enriqueceram nos últimos anos comprando BITCOIN porque pegaram o começo da onda, assim como acontece em qualquer outro Mercado quando se entra na hora certa. Mas e você, estaria disposto a correr este risco agora? Aceitaria pagar quase R$ 18.000,00 por um BITCOIN? Será que uma criptomoeda realmente pode valor isso em termos reais? Pense a respeito disso e gerencie com responsabilidade o seu capital.

Sucesso!

Deixe uma resposta

Demos

Color Skin

Header Style

Nav Mode

Layout

Wide
Boxed

Nav Mode