USDJPY testa Suporte. Política Monetária do Japão pode interferir.

USDJPY testa Suporte. Política Monetária do Japão pode interferir.

O presidente do banco central do Japão, Haruhiko Kuroda, disse que os principais bancos centrais podem ter que se tornar mais flexíveis em relação às metas de inflação, já que não estão conseguindo atingir o alvo devido aos efeitos redutores de preço das inovações tecnológicas e da globalização. A Instituição manteve uma política monetária ultra frouxa nos últimos anos, imprimindo dinheiro para tirar a economia de uma longa fase de deflação. Mas ainda está lutando para aumentar a inflação para sua meta de 2%.

O par USDJPY vem de uma queda de 112.40 para 109.00 (aproximadamente 3,03%) nas últimas semanas. Muito provavelmente em função da escalada da Guerra Comercial entre EUA e China. O Iene, assim como o Franco-Suíço, pode funcionar no Mercado como um “porto-seguro”, despertando a atenção dos investidores em momentos de incerteza.

Porém, como podemos notar no gráfico semanal, a região entre 109.00 até 108.50 pode despertar o interesse dos compradores, já que foi suporte ao longo dos últimos anos. Se confirmada a entrada dos touros, poderemos ter altas no par nos próximos dias até a região de resistência entre 112.15 – 112.50.

Já no viés pessimista, se caso o par continuar caindo, a ponto de romper o suporte mencionado, poderíamos ter mais extensões até os 107.25, onde encontra-se o próximo suporte. Destacamos, por fim, um alerta no calendário econômico para esta quita. Às 9h30 de Brasília teremos a divulgação do PIB do 1º Trimestre dos EUA. A projeção é de 3,1%. Muito próxima do trimestre anterior em 3,2%. Se os dados forem confirmados, poderemos ter uma leitura positiva para o dólar, já que o começo de 2019 foi bem tumultuado nos Estados Unidos, com um inverno rigoroso, que prejudicou as atividades do comércio e da indústria, além do “shutdown” do governo proporcionado por Trump, em seu conflito junto ao Congresso, para a liberação da verba para construção do muro na fronteira com o México.

Os dados do PIB se mantendo elevados poderão mostrar a força da economia americana no período mesmo enfrentando dificuldades climáticas e políticas.

Se você deseja se especializar no Mercado Financeiro e aprender a fazer suas próprias operações, fica o convite para conhecer o meu Treinamento Completo, do Básico ao Avançado: https://bit.ly/2FyO8mR

Por hoje é só! Tenha um bom dia e boas operações!

Abraços!

 

Rodrigo Rebecchi

Demos

Color Skin

Header Style

Nav Mode

Layout

Wide
Boxed

Nav Mode