De Olho no Ouro após dados de Emprego nos EUA

De Olho no Ouro após dados de Emprego nos EUA

A criação de vagas de emprego nos Estados Unidos acelerou em agosto, com os salários registrando o maior aumento anual em nove anos, fortalecendo as visões de que a economia está até agora resistindo à intensificação da guerra comercial do país com a China. A criação de vagas fora do setor agrícola chegou a 201 mil no mês passado, impulsionada pelas contratações nos setores de construção, varejista e serviços profissionais e empresariais, informou nesta sexta-feira o Departamento do Trabalho. A economia precisa criar 120 mil vagas por mês para acompanhar o crescimento da população em idade de trabalhar.

A renda média por hora aumentou 0,4% em agosto, depois de subir 0,3% em julho. Isso elevou o aumento anual dos salários para 2,9% em agosto, maior desde junho de 2009, de 2,7% em julho.

O fortalecimento do crescimento dos salários destaca o aperto das condições do mercado do trabalho e consolida as expectativas de um terceiro aumento dos juros pelo Federal Reserve este ano quando as autoridades do banco central se reunirem em 25 e 26 de setembro. A taxa de desemprego permaneceu em 3,9% em agosto.

Partindo-se para a nossa Análise Gráfica do dia, notamos como o Ouro segue relativamente estável em meio a estes dados de emprego e às tensões comerciais entre os EUA e a China. Após uma forte queda nas últimas semanas, depois que perdeu o suporte em 1282.50, o mercado encontrou compradores no suporte em 1160.00. Desde então, os preços seguem concentrados na região dos 1205.00.

Ligando-se o últimos topos e fundos no gráfico diário abaixo, é notório como presenciamos uma tendência de baixa no médio prazo, através das linhas de tendência de baixa que nos ajudam a identificar o movimento. Dessa maneira, poderemos ter dois possíveis cenários para os próximos dias.

Se caso os compradores que entraram na zona de suporte em 1160.00 continuarem no controle, poderemos ter o efetivo rompimento dos 1205.00, que poderia abrir espaço para altas até os 1235.00. Nível que também coincide com a proximidade da linha de tendência de baixa do período diário.

Se caso tivermos uma nova entrada de força vendedora neste momento, poderíamos ter novas quedas para testar o suporte em 1160.00 novamente. Tudo pode depender de como será a absorção do mercado em relação aos dados de emprego divulgados nesta sexta-feira e de como poderá se desenrolar os próximos capítulos da vigente guerra comercial entre China X EUA.

Vamos acompanhar de perto. Sucesso e bons trades!

 

Rodrigo Rebecchi

Para mais conteúdo sobre Trading, Forex, Educação Financeira, Geopolítica, Macroeconomia e Análises do Mercado, me siga nas Redes Sociais:

INSTAGRAM: https://goo.gl/udhn4f

YOUTUBE: https://goo.gl/3cdUkb

FACEBOOK: https://goo.gl/Q1Pt5g

LIVE – Panorama do Mercado (Seg às 20h): https://goo.gl/3ihycp

CONTATO: rodrigo_rebecchi@hotmail.com

Deixe uma resposta

Demos

Color Skin

Header Style

Nav Mode

Layout

Wide
Boxed

Nav Mode