Análise USDJPY: Consequências da Guerra Comercial entra EUA X China

Análise USDJPY: Consequências da Guerra Comercial entra EUA X China

Trump disse em um comunicado após o fechamento do mercado de segunda-feira que os EUA estão aplicando 10% de tarifas sobre produtos chineses no valor de US$ 200 bilhões a partir de 24 de setembro e advertiu que as tarifas subiriam para 25% em janeiro de 2019. Também acrescentou que se a China tomar medidas de retaliação contra agricultores ou outras indústrias americanas, imediatamente buscará a fase três, que é a tarifa de aproximadamente US$ 267 bilhões de importações adicionais.

O presidente disse que tem sido muito claro sobre o tipo de mudanças que precisa ser feita e que tem dado à China todas as oportunidades para tratar os EUA com mais justiça, mas que, até agora, a China não está disposta a mudar suas práticas.

O país asiático respondeu rápido, dizendo na terça-feira que não tem outra opção a não ser retaliar contra as novas tarifas comerciais americanas, arriscando uma ação ainda mais forte de Trump em uma escalada da guerra comercial entre as maiores economias do mundo. “Para proteger seus legítimos direitos e interesses e a ordem no livre comércio internacional, a China não tem escolha a não ser retaliar simultaneamente”, disse o ministério do comércio chinês em um comunicado, sem especificar que medidas tomará.

Partindo-se para a nossa Análise do dia, separamos o par USDJPY. Vale ressaltar que o iene, assim como o ouro e o franco, em momentos de turbulência no mercado, costumam servir como “portos-seguros”, atraindo a atenção do investidores e este fator pode causar uma queda repentina no par.

Na primeira imagem abaixo, trago o gráfico semanal para situá-lo da importância da região em que os preços se encontram. Na forte linha branca de tendência de baixa primária do período, que se iniciou em maio de 2015, podemos notar como ela passa próxima à região de resistência nos 112.250, onde os preços são negociados atualmente.

Partindo-se agora para o gráfico diário, onde é possível analisarmos o mercado de forma mais próxima, notamos como a região pode ser sensível aos vendedores, podendo ocasionar quedas até os níveis de suporte em 110.250 – 109.250. No caso de um viés mais pessimista, poderíamos pensar em quedas até os níveis mais baixos, entre 108.000 – 107.000.

Dada a importância da zona de resistência no par USDJPY, poderíamos ter um mercado com viés altista somente após o efetivo rompimento da próxima zona de resistência, acima dos 113.750. Para quem busca operações de longo prazo na ponta compradora, pode parecer imprudente comprar nesta região, antes e esperar o efetivo rompimento dos 113.750. Há mais de 3 anos temos esta Linha de Tendência de Baixa regendo a cotação para baixo dela e devemos respeitar a dinâmica do mercado. Pode ser que o ímpeto vendedor possa ser despertado novamente na região.

Vamos acompanhar. Sucesso à todos e bons negócios!

 

Rodrigo Rebecchi

Para mais conteúdo sobre Trading, Forex, Educação Financeira, Geopolítica, Macroeconomia e Análises do Mercado, me siga nas Redes Sociais:

INSTAGRAM: https://goo.gl/udhn4f

YOUTUBE: https://goo.gl/3cdUkb

FACEBOOK: https://goo.gl/Q1Pt5g

LIVE – Panorama do Mercado (Seg às 20h): https://goo.gl/3ihycp

CONTATO: rodrigo_rebecchi@hotmail.com

Deixe uma resposta

Demos

Color Skin

Header Style

Nav Mode

Layout

Wide
Boxed

Nav Mode